Série A2: confira os meio-campistas escolhidos no Troféu JUP Escanteio SP

Com o título da Portuguesa, a Série A2 do Campeonato Paulista foi encerrada no último domingo e, como se tornou uma tradição nas divisões de acesso do futebol do Estado, o Escanteio SP homenageou os melhores jogadores do torneio com o Troféu JUP Escanteio SP. Confira os quatro meio-campistas escolhidos pela equipe que compõe o veículo. 

A escolha foi feita por meio de uma votação dos oito jornalistas que fazem parte do Escanteio SP: Enrico Liberatori, Felipe Leite, Gabriel Ambrós, Guilherme Medeiros, Guilherme Goya, Lorenzo Meyer, Luca Castilho e Nicola Ferreira. Os mais votados integraram a seleção da Série A2 e foram agraciados com o Troféu JUP Escanteio SP (confira a contabilidade de votos no final da matéria). 

Marzagão (Portuguesa)

Marzagão não sofreu sequer uma derrota nesta Série A2 - Foto: Rodrigo Corsi/Paulistão

Após subir com o Água Santa na Série A2 de 2021, Marzagão chegou à Portuguesa para a Série D do Campeonato Brasileiro e logo se identificou muito com o clube e a torcida, tanto é que permaneceu na Lusa para a disputa da A2 deste ano. No Paulistão, o volante de 35 anos seguiu mostrando sua raça e combatividade, mas se apresentou muito mais efetivo no ataque. Foram dois gols marcados e nenhuma derrota ao longo da competição, já que não atuou no único revés da Lusa. Foi um dos grandes personagens da conquista rubro-verde. 

Lucas Lima (São Bento)

Lucas Lima se transferiu para o Atlético-GO- Foto: Alexandre Battibugli/Paulistão

Reserva em toda a Série D de 2021, Lucas Lima ganhou oportunidades na Copa Paulista e, apesar de uma campanha fraca do São Bento, recebeu o voto de confiança do técnico Paulo Roberto Santos para a Série A2. No estadual, o volante de 21 anos mostrou um nível de atuação muito alto e não se contentou em ser ‘apenas’ titular do Bentão. Ele se consolidou como o melhor jogador do time. Regular durante todo o campeonato, o jovem contribui com três gols e duas assistências. Se não tivesse deixado o São Bento para atuar no Atlético-GO antes da final da A2, o clube provavelmente teria imposto mais dificuldades à Portuguesa.

Daniel Costa (Portuguesa)

Daniel Costa foi o maestro da Lusa na Série A2 - Foto: Rodrigo Corsi/Paulistão

O meia já havia feito uma Série A2 espetacular com o XV de Piracicaba em 2020, quando atuou em um time que não conseguiu se encaixar em grande parte da competição. Em 2022, atuando em uma equipe organizada como a Portuguesa de Sérgio Soares, Daniel Costa sobrou. O maestro rubro-verde fez quatro gols e foi o disparado o maior assistente da competição, com sete passes para gols. Isso se contar a participação importante nos dois gols contra do São Bento que deram o título da Série A2 à Lusa. O jogador de 34 anos ainda terminou o torneio como o atletas com mais participações diretas em gols: 11. 

Felipinho (Velo Clube)

Felipinho já está disputando a Série D pelo América-RN - Foto: Divulgação/América-RN

O Galo Vermelho chegou para a Série A2 com um investimento baixo, mas conseguiu surpreender muitos times com orçamentos maiores. Grande parte da ótima campanha do Velo Clube fica na conta dos vários jogadores identificados com o clube que fizeram parte do elenco, sobretudo Felipinho. Campeão da Série A3 em 2020, o jogador ficou praticamente todo o ano de 2021 fora por lesão, mas recebeu a confiança para ser o camisa 10 do time na Série A2. O meia de 24 anos correspondeu, fez cinco gols, deu duas assistências e foi o principal destaque do Galo Vermelho na competição. Tem tudo para brilhar na Série D com a camisa do América-RN.  

Contagem dos votos

Volantes:

Marzagão (Portuguesa) - 7 votos
Lucas Lima (São Bento) - 4 votos
Cristian Renato (Juventus) - 3 votos

Meias:

Daniel Costa (Portuguesa) - 8 votos
Felipinho (Velo Clube) - 6 votos
Portuga (São Caetano) - 2 votos
Matheus Melo (Linense) - 1 voto

Sobre a premiação

O Troféu JUP Escanteio SP é uma premiação que homenageia os jogadores que se destacaram na Série A2 do Campeonato Paulista. O prêmio inclui a seleção do campeonato, o melhor atleta, melhor treinador, revelação e o gol mais bonito. A homenagem, feita pelo Escanteio SP, acontece desde o primeiro ano de sua história, em 2020.

Apostador? Assine o Escanteio SP e receba relatórios das Séries A2 e A3 do Paulista

Pelo segundo ano consecutivo, a premiação contou com o patrocínio da JUP, empresa especializada na confecção de uniformes profissionais, entre eles esportivos.

A edição de 2022 contou também com o apoio da AF Volantes. A empresa está há mais de 10 anos no ramo de acessórios automotivos, com especialização na restauração de volantes.