São José assina memorando e divulga grupo que comprará SAF

Empresários do Grupo Oscar Calçados assinaram memorando de intenções de compra das ações da SAF do São José

O São José deu mais um passo para se tornar SAF. Nesta terça-feira, os empresários Oscar Constantino e Bruno Cazarini, diretores do Grupo Oscar Calçados, assinaram o memorando de intenções de compra das ações da futura Sociedade Anônima do Futebol do clube.

Agora, os representantes jurídicos de ambas as partes realizarão as diligências e auditorias para o levantamento das informações e documentos junto ao clube, sobretudo das dívidas de gestões passadas. O novo grupo assumirá todas as dívidas do São José, que podem chegar a casa dos R$ 20 milhões.

O contrato definitivo deve ser assinado nas próximas semanas. Deste modo, o Grupo Oscar Calçados ficará responsável pelo futebol profissional e as categorias de base, tanto masculino quanto feminino. Vale lembrar que o grupo não poderá mudar o nome, as cores e nem a cidade-sede do São José.

Grupo Oscar

O Grupo Oscar tem mais de 30 anos de história, é formado por oito marcas e está presente no Vale do Paraíba, Alto Tietê, no interior de São Paulo, no Triângulo Mineiro, além de Resende, no Rio de Janeiro, e Joinville, em Santa Catarina. A rede possui mais de dois mil funcionários.

A principal ramificação do Grupo Oscar é justamente a Oscar Calçados. A empresa atua no mercado de calçados, roupas e acessórios e tem mais de 40 lojas no interior de São Paulo, mas também faz vendas online. Mais da metade das unidades físicas ficam na região do Vale do Paraíba.

Quer receber relatórios para apostas na Copa Paulista e na Segunda Divisão? Envie um e-mail para [email protected]

▶️ Inscreva-se no canal do ESCANTEIO SP no YouTube

LEIA TAMBÉM
Marília libera e destaque da base negocia com Cruzeiro
Paulista Sub-20: confira os resultados da 14ª rodada
Barão de Serra Negra é barrado; XV de Piracicaba corre para conseguir liberação
São José vende SAF para empresário da cidade
+ TV Cultura tem pior tarde de sábado com audiência de São Bento x Lemense
Juizado do Torcedor, do Tribunal de Justiça de São Paulo, libera entrada de bandeiras