Lemense finaliza trâmites para mudança de sede; saiba quanto o clube desembolsou

O EC Lemense finalizou nesta terça-feira os trâmites para mudar sua sede em definitivo. Antigo SC Atibaia, o clube concluiu o processo de transferência para Leme.  

O presidente do Lemense, Alexandre Barbosa, esteve na sede da Federação Paulista de Futebol (FPF) e se encontrou com o presidente da entidade, Reinaldo Carneiro Bastos. O mandatário do Zulão precisou desembolsar R$ 400 mil para efetivar a mudança de sede. 

+ Apoie o Escanteio SP e receba indicações de apostas em competições do futebol paulista

Alexandre Barbosa, entretanto, minimizou o gasto com a mudança. Ele preferiu exaltar a recepção dos moradores de Leme. A equipe, inclusive, realizou um treino aberto com a presença de cerca de 600 torcedores

"Após quase vinte dias morando na cidade e pela forma que fomos recebidos, esse investimento é baixo perto do carinho que todos estão tendo por nós. Obrigado a todos de Leme. Vamos trabalhar muito para retribuir esse apoio que estamos recebendo", disse Alexandre Barbosa. 

Ressurgimento do EC Lemense

Em participação na "Tribuna Livre" da Câmara Municipal de Leme, Alexandre Barbosa também explicou o processo para o ressurgimento do Esporte Clube Lemense. O dirigente revelou que precisou compra a equipe para fazer uma junção com o clube que já tinha. 

"Eu comprei o Esporte Clube Lemense e fiz uma junção. Ele (o clube) ainda está no cartório e na Receita Federal com o nome Sport Club Atibaia, mas é uma junção. Eu peguei o CNPJ do clube, que é a vaga na Série A2, e peguei o Lemense, um clube centenário, e fiz uma junção. O último presidente já assinou os documentos, já fiz isso na FPF... está tudo em andamento e vamos jogar como Esporte Clube Lemense", disse.