Copa Paulista não deve ter obrigatoriedade do passaporte vacinal aos torcedores

FPF já enviou comunicado aos clubes flexibilizando a entrada de torcedores não-vacinados na Copa Paulista

Programada para iniciar no começo de julho, a Copa Paulista não deve ter obrigatoriedade do passaporte vacinal. A Federação Paulista de Futebol (FPF) já informou aos clubes que vão disputar a competição a flexibilização em relação a necessidade dos torcedores estarem plenamente vacinados contra a Covid-19 para entrar em partidas de futebol no Estado de São Paulo. 

“Informamos que, em virtude do recente decreto expedido pelo Governo do Estado de São Paulo, a apresentação do passaporte vacinal para acesso aos estádios poderá ser dispensada, ressalvada as disposições eventualmente constantes nos decretos municipais vigentes sobre o tema”, divulgou a FPF em ofício enviado aos clubes. 

LEIA TAMBÉM
+Confira a média de público de todos os times que disputaram a Série A3 de 2022

O comunicado é assinado pelo presidente do Comitê Médico da FPF, Dr Moisés Cohen, e pelo diretor executivo de competições, Fábio Barbosa Moraes. Deste modo, os clubes conseguem diminuir o número de funcionários para a entrada de torcedores nos estádios e, consequentemente, economizar na realização das partidas. 

A Copa Paulista começa na sexta-feira do dia 1º de julho. XV de Piracicaba e Lemense fazem o primeiro duelo da competição no Barão de Serra Negra, em Piracicaba, às 20 horas. 

▶️ Inscreva-se no canal do ESCANTEIO SP no YouTube: Escanteio SP